Dicas | Opinião | Textos

Verglas – O mais belo transtorno que o inverno te proporciona

Por montrealnareal
DSC_0090

Arbusto de vidro? É gelo!

 

Por Marcio Ribeiro

Dizem que o inverno em Montreal é amedrontador. Pode até ser. Mas este de 2014/2015 até que tem sido bem generoso com quem está acostumado a viver do lado de lá do equador. Temperaturas consideradas amenas e até positivas em pleno mês de janeiro. Mas nada cai do céu assim tão fácil. Quer dizer. Até tem algo que cai do céu fácil e que acaba se tornando a verdadeira dor de cabeça para quem habita por aqui nas terras geladas: a chuva verglaçante. Nunca ouviu falar nisso? É porque não mora por aqui. Então é bom começar a se acostumar, porque fatalmente se você passar um inverno no Canadá, se tornará vítima desse fenômeno meteorológico que é ao mesmo tempo terrível e mágico.

A chuva verglaçante é um fenômeno que ocorre quando as temperaturas estão muito baixa e chove. A água congela ao entrar em contato com qualquer superfície sólida, criando verdadeiros ringues de patinação em calçadas e ruas. Árvores pesam e folhas são revestidas por uma camada de gelo que parece vidro. A cidade fica linda! Água congelada derramando-se pelas varandas, vegetação, fios de alta tensão criando verdadeira esculturas.  Árvores e arbustos de vidro para todos os lados. Um espetáculo! Casas sem luz porque a fiação arrebentou com o peso. Pessoas levanto tombos perigosos nas calçadas. Riscos de acidentes com carros. Um inferno!

Esse cenário de caos e beleza tomou conta de Montreal entre os dias 4 e 6 de janeiro. E até a publicação desse texto, o que havia era um sentimento coletivo de torcida para que o verglas acabe o quanto antes. Porque apesar de bonito, é um fenômeno que causa transtornos. E muitos! Só ontem foram 129 mil clientes da Hydro-Québec, a fornecedora de energia da cidade, no escuro. O verglas pode ser perigoso também para aviões e helicópteros, pois se a capa de gelo for muito intensa, pode mudar a aerodinâmica do veículo. Os motoristas tem que ter atenção redobrada porque ele não é fácil de ver no asfalto.

Como tem muito pouco ar no espaço entre o gelo e a superfície, o verglas reflete muito pouco a luz e mantém a cor da superfície. É lindo. E extremamente liso. O que significa: tombos, quedas, escorregões, vacas, derrapadas…Sem poupar velhos, crianças, jovens atléticos ou animais de estimação. Em algum momento, todo mundo terá seu momento peixe ensaboado.

Para tentar escapar de sua personal-videocassetada, está cada vez mais em moda o uso do crampon, um “equipamento” para ser colocado nas solas dos sapatos, contendo uma espécie de espetos de metal para fazer o cidadão conseguir frear quando caminha pelas ruas sem se sentir uma pedra de gelo num pedaço de seda. Porque é assim que a gente se sente deslizando daqui para lá sem vontade própria. Os crampons podem ser encontrados facilmente em farmácias como Pharmaprix e Jean Coutu, ou lojas como o Canadian Tire e custam em média entre 13 e 29 dólares. É um “adorno” feio para o seu pisante, mas aqui entre nós: quem liga para a moda quando se pode evitar uma fratura não é mesmo?

crampon2 crampon

 

 

 

 

 

 

 

 

Bom para que vocês tenham uma ideia, eis algumas fotenhas de como a cidade fica após uma noite de chuva verglaçante:

DSC_0088

Repare na capa de “vidro” nos galhos da árvore e o efeito da iluminação

 

DSC_000002

Ringue de patinação natural na calçada. Não, isso não é legal

 

DSC_000001

Árvores e galhos caídos onde poderia estar seu lindo carinho

 

 

 

DSC_0092

Como os parques ficam lindos!

 

Textos relacionados

#69 – Quando a carne não é fraca: Vegetarian... Ultimamente tem sido cada vez mas divulgados os benefícios de se adotar dieta e hábitos que visam abolir o consumo de carnes e produtos de origem animal. Mas será que uma dieta 100% vegetariana é saudável? Qual a diferença entre vegetarianismo e veganismo? A questão se resume a "apenas"proteção aos animais, ou é uma maneira de salvar o planeta? Qua...
Rádio – Tema: Vivendo no frio A atleta de snowboard Allana Leite será uma das entrevistadas Amigos, vocês não podem perder o Montreal na Real na Radio Centre-Ville - 102,3 FM, terça-feira (16/12) às 17:30h. Vamos entrevistar especialistas para abordarmos alguns aspectos importantes de como viver num lugar frio como Montreal. Teremos a participação da psicóloga Elisân...
#68 – Um papo sobre direitos, tolerância, ac... O Canadá é apontado como um dos países mais abertos ao público LGBT. Mas será que isso se traduz na realidade? Como é o dia-a-dia dos homossexuais nas Terras Geladas? Existe preconceito? Como ele se manifesta? Quais são os direitos dos casais homoafetivos? Casamento, adoção de crianças e barriga de aluguel são permitidos? O que o governo faz para f...
#78 – Último programa: a terceira fase da im... Tudo tem começo e fim. E com o sentimento de missão cumprida por termos ajudado a quem sonha visitar ou imigrar para as Terras Geladas do Canadá, Montreal na Real se despede da Radio Centre-Ville depois de quase dois anos de programas semanais.  Os motivos da nossa despedida e os planos para o futuro você fica sabendo no começo dessa edição, que ab...

Sobre o autor

montrealnareal

Facebook Twitter

A vida como ela é no lado francês do Canadá! Programas de rádio, vídeos, textos, produzidos por jornalistas, como participação de especialistas! No ar desde julho de 2014.


Comentários 3

  1. montrealnareal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.